Você decidiu – depois de ler inúmeros artigos sobre massagens, assim como seus benefícios, os tipos e os detalhes de cada modalidade – se submeter a uma sessão de massagem, mas ainda não sabe o que esperar, ou como se preparar?

Não se preocupe. Neste artigo iremos abordar suas dúvidas, fornecendo um conteúdo bem detalhado para que você possa, enfim, se entregar aos prazeres de uma boa massagem.

Antes de iniciar a massagem

antes da massagem

Exatamente. Há algumas medidas que você deve tomar antes de se deitar em uma maca de massagem.

A primeira atitude que você deve ter antes de iniciar a massagem é saber se de fato não há nenhuma contraindicação. Ou seja, verifique com detalhe e atenção, primordialmente, com ajuda de um profissional da saúde (um médico), se você está apto a receber uma massagem profissional.

Avalie que tipo de massagem é a mais adequada para suas metas e objetivos. Algumas condições médicas, como a utilização de certos medicamentos, podem impedir a aplicação dos procedimentos e toques na massagem.

Uma vez escolhida a modalidade de massagem, o próximo passo é se permitir um prévio relaxamento.

Um banho quente e uma sauna a vapor são excelentes formas para preparação, que o ajudarão a “entrar no clima” e deixá-lo mais relaxado. Um relaxamento prévio tornará a experiência da massagem ainda mais intensa, pois seus músculos ficarão mais relaxados; assim com sua predisposição ao toque.

Também é aconselhado o uso de roupas leves, se necessárias, assim como tentar evitar a prática de esportes mais intensos antes dos procedimentos.

Recomenda-se também que não sejam ingeridas grandes quantidades de comida e bebidas antes da massagem. Procure realizar refeições leves com ingestão moderada de líquidos, e sempre sem álcool.

Outra observação importante é: seja pontual. Não chegue atrasado em sua sessão de massagem.

Preferencialmente esteja no local com dez minutos de antecedência para conversar com o profissional terapeuta, além de preencher todos os formulários caso estes sejam necessários.

Provavelmente o profissional terapeuta (massagista) irá solicitar um questionamento, perguntando se o paciente está sob cuidados médicos e quais os tratamentos. Se há algum uso regular de medicamentos e quais os seus objetivos e ambições para iniciar um procedimento de massagem.

Poderão ser questionados também se há alguma condição pré existente, tais como: pressão alta, diabetes, artrite, osteoporose, problemas cardíacos, infecções, epilepsia, hipertensão, gravidez e outros.

Devemos entender que a massagem, como uma terapia alternativa, não pode ser substituída por um tratamento médico e clínico. A massagem é uma forma complementar e não substituta para combater e diagnosticar doenças e enfermidades.

O que esperar durante a massagem

durante massagem

Geralmente a massagem é realizada com o paciente sem roupas, com trajes bem leves ou apenas com toalhas e lençóis. O importante é estar confortável e predisposto a receber o tratamento.

Também é importante que todas as joias, relógios que possam interferir sejam removidos.

Depois de se despir, basta deitar suavemente na maca de massagem ou no lugar determinado pelo profissional. Geralmente as macas possuem uma parte especial para o descanso do rosto e cabeça.

Respire profundamente e limpe sua mente, neste momento. Possivelmente o massagista irá aguardar alguns segundos ou minutos antes iniciar, para que sua respiração e mente estejam relaxadas.

Sempre que precisar, o terapeuta irá lhe orientar sobre como agir. Levantando, virando, erguendo os braços ou apenas respirando profundamente, quando for preciso. Neste momento, pergunte sempre que for necessário.

Não deixe também de informar ao massagistas o que você gosta ou não. Por exemplo, se o profissional está aplicando muita pressão, então sinta-se à vontade para avisá-lo. Cada pessoa reage de uma forma diferente aos toques, por isso é importante que ele saiba o que é agradável ou não para você, assim saberá qual técnica de massagem utilizar.

Talvez para você possa ser melhor ou mais confortável conversar com o terapeuta durante a sessão. Caso afirmativo, então tire suas dúvidas. Não há nenhum problema em levantar algumas perguntas ou apenas sugerir uma opção.

Caso você prefira apenas fechar os olhos e relaxar, então faça-os. Respire profundamente, relaxe e deixe-se levar pelas sensações únicas de relaxamento que uma boa massagem pode lhe proporcionar.

Não se preocupe, se for de seu agrado, somente as áreas trabalhadas pelos toques estarão descobertas. Enquanto não houver a terapia sobre as partes ou áreas do corpo, estas continuarão cobertas e protegidas.

Mas o principal: relaxe! A massagem funciona melhor quando estamos relaxados. Tente se manter sempre relaxado, que o massagista fará todo o trabalho. Elimine as preocupações e problemas de sua mente. Mantenha-se focado no relaxamento e curta a massagem.

Provavelmente, durante o procedimento, você irá sentir mais desconforto ou até mesmo um pouco de dor em certos pontos do seu corpo. Não deixe de informar suas sensações ao massagista (terapeuta), que irá ajudá-lo, focando os movimentos nestes locais.

Ao término da massagem, não seja precipitado e afobado. Levante-se devagar, permita-se manter por mais tempo com toda a calma e relaxamento obtidos no tratamento.  Você irá certamente se sentir mais lento e relaxado, então aguarde um pouco mais antes de ficar em pé.

Após o término da massagem

Ao finalizar a sessão, será oferecido a você um pouco de líquido, preferencialmente um copo de água. Você deverá se hidratar, por isso beba muita água. Peça outro copo de água, se você não se sentir saciado. Beber bastante líquido sempre é muito bom para o seu corpo.

E, principalmente, após a massagem, já que esta acentua o escoamento e eliminação das toxinas. Então, beba muita água!

A amplitude dos movimentos de suas articulações estarão maiores, as dores, menores. E para manter esses efeitos no longo prazo é aconselhável adotar uma rotina de vida mais saudável, com boa alimentação e também exercícios físicos regulares.

Ao sair da terapia, você estará muito mais relaxado, calmo e se sentindo melhor. Converse com o massagista, ele lhe dará maiores instruções sobre as próximas etapas e sessões.

Não se esqueça, a atividade do profissional massagista credenciado é regulada por lei e, como qualquer profissional bem treinado, ele está apto a lhe fornecer quaisquer informações pertinentes e necessárias.

Gostou? Então Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *