Anuncie Agora! (11) 97735-4813

O uso de extratos aromáticos das plantas podem levar a sua massagem a um novo patamar. Essas essências concentradas, obtidas a partir das plantas, flores, árvores e ervas são também conhecidas como óleos vegetais.

A aromaterapia, então, é a aplicação destes óleos e essências de forma terapêutica para tratar, curar e prevenir uma diversidade de problemas como estresse, insônia, ressecamento da pele, tesão nervosa e até mesmo depressão.

O poder do aroma.

Geralmente as pessoas não percebem como o aroma exerce uma influência tão significativa em suas vidas. Ainda assim, o poder do aroma é enorme.

O cheiro de uma refeição, de um perfume ou de um ambiente pode nos trazer à tona muitas lembranças e reviver nossas antigas memórias.

A razão científica para isto é que o cheiro, o aroma são reconhecidos e interpretados pela mesma região do nosso cérebro ligada às nossas emoções.

Os aromas têm o incrível poder de alterar e modificar totalmente nosso humor. Sendo assim, adicionando algumas essências de óleos em sua massagem, você poderá intensificar os efeitos revigorantes ou de relaxamento desejados.

Alguns estudos e pesquisas indicam que alguns aromas e odores podem, inclusive, baixar a pressão sanguínea. Esses mesmos estudos indicaram que o cheiro de algumas maçãs reduziu a pressão de alguns voluntários sadios, em uma média de três a cinco pontos.

Outras pesquisas demonstraram que aromas mais fracos e agradáveis, como os odores exalados por ameixas e pêssegos, reduzem dores gerais, tais como enxaquecas.

Já outras essências de óleos, tais como jasmim, podem alterar nosso humor, ajudando na depressão, reduzindo a ansiedade e restaurando as nossas energias.

Usos terapêuticos.

Os óleos de essências são uma mistura complexa de produtos químicos com muitas propriedades benéficas. Além de melhorar o humor, também são antibactericidas, antissépticos e até mesmo anti-inflamatórios.

A diversidade de aplicações das essências de óleos, não somente no tipo de massagem, como em outros empregos, podem causar frequentemente confusão entre muitos.

Um simples óleo pode ser aplicado, por exemplo, em muitas indicações; como por exemplo, ser aplicado para relaxamento e também para o revigoramento.

Para alguns, isso pode soar um pouco cético e duvidoso. Entretanto, uma pessoa que sofre de tensão nervosa pode utilizar um determinado óleo, juntamente com a massagem, e pode se sentir mais calma após um tempo.

Ao continuar com tratamento, já eliminado seu nervosismo, com o mesmo óleo, o paciente passa a se sentir mais vitalizado e energizado, com mais disposição e ânimo.

Como escolher e comprar as essências de óleos.

A variedade de essências e preços é enorme. Procure comprar, primeiramente, pequenas frações e poucas quantidades.

Para se produzir, como exemplo, um litro de óleo de rosa, serão necessários duzentos quilos de pétalas de rosas; enquanto que duzentos quilos de flores de lavanda produzem onze litros de óleo, em média.

Assim, é sugerido que sejam adquiridas pequenas porções e que estas também sejam sempre bem diluídas antes da aplicação na massagem.

Lembre-se que, na aromaterapia, os odores devem ser suaves e não muito concentrados e fortes. Desta forma, a diluição com outros produtos se faz necessária, como em óleos neutros e inodoros, dermatologicamente testados.

A qualidade dos óleos também é muito variável, e são inerentes ao processo de extração das substâncias das plantas, se houve ou não adulteração com outras essências artificiais e sintéticas mais baratas.

Foque-se sempre nas essências e óleos com a melhor qualidade, procure referências e opiniões. Consulte um profissional isento, se for preciso. Afinal a sua saúde está em jogo.

Como fazer a mistura e a diluição das essências de óleos.

As essências de óleos, como já informado, são extremamente concentradas e sempre devem ser diluídas, ou de outra forma, podem causar coceiras e até mesmo alergias mais sérias.

Para utilizá-las em sua massagem, você deverá diluí-las em outros óleos, cujo objetivo é apenas ser o agente transportador da essência, sem alterar sua funcionalidade, odor e efeitos.

Os óleos recomendados para essa aplicação são: óleo de soja, de abacate, de amêndoas e de pêssego (sem odor).

O óleo de germe de trigo também é recomendável, e ainda possível inúmeros benefícios hidratantes e rejuvenescedores, já que possui uma grande quantidade de vitamina E, agindo como antioxidante.

Para diluir, basta adicionar duas ou três gotinhas da essência de óleo desejada em cinco mililitros do óleo diluidor, o que corresponde, aproximadamente, a uma colher de chá.

Atenção: se você sentir qualquer alteração na sua pele, suspenda imediatamente a aplicação. Se perceber que a concentração ficou muito alta, você pode usar apenas uma gota de essência de óleo na mistura acima.

Cuidado. Apesar do nome (essência de óleo), esses produtos não são tão viscosos, e são extremamente voláteis, o que indica que evaporam com muita facilidade. Portanto, mantenha sempre os recipientes bem vedados, e caso não tenha utilizado toda a essência retirada do recipiente, devolva-a rapidamente para que não evapore.

Por fim, armazene as garrafas e recipientes em locais escuros, longe da claridade e do calor. Tal medida irá aumentar a durabilidade do produto e manter suas propriedades e funcionalidade.

Nos próximos artigos iremos trazer mais dicas e informações sobre os tipos de essências utilizados em massagens, suas propriedades e fragrâncias.

Inscreva-se em nossa newsletter, inserindo o seu e-mail abaixo, para receber nossas atualizações e não perca nenhum novo conteúdo do site do Ellas!

Gostou? Então Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *