Todos os esportistas do mundo, sejam eles profissionais ou amadores, sabem do valor da massagem para a prática esportiva.

A massagem, quando bem executada, torna-se uma aliada à prática esportista. Tendo a incrível capacidade de intensificar a restauração e reabilitação da força e mobilidade muscular, além de combater os indesejados espasmos musculares.

As técnicas e procedimentos de massagens também estimulam o sistema linfático, responsável pela eliminação de impurezas e substâncias prejudiciais, que ficam acumuladas em nossos corpos durante a prática de alguma atividade física intensa.

A massagem também pode complementar e otimizar o seu programa de exercícios físicos. Você poderá utilizar a massagem antes dos exercícios para aquecimento muscular e após, para prevenir a rigidez e as dores musculares.

Também alivia as dores e cólicas, além de acelerar a recuperação de entorses musculares, tão comuns na prática esportista.

Uma massagem bem aplicada mantém a musculatura mais elástica, flexível e resistente, melhorando a performance e os resultados de suas atividades físicas.

Na prática com corredores, ciclistas e atletas de alta performance, todos os esportistas relataram que tornaram-se também muito mais relaxados e preparados para os treinos e competições, após as sessões de massagens.

Logos após as extenuantes atividades físicas, também podemos sentir os inúmeros benefícios da massagem. As dores são reduzidas, o ácido lático removido dos músculos com maior eficiência e muitos outros efeitos que ajudam a todos os atletas.

Massagem antes dos exercícios físicos

Se a sua musculatura estiver muito tensa e rígida antes da prática do exercícios físicos, seu desempenho, com a absoluta certeza, será seriamente comprometido por causa disto.

Nossos músculos trabalham em pares. Enquanto um músculo se contrai o outro relaxa. Portanto, se um dos músculos está mais tenso, o outro músculo ficará sobrecarregado, trabalhando para compensar e contra a resistência oferecida pela musculatura tensionada.

Simplesmente, pelo fato de estar mais tenso, o músculo terá que trabalhar muito mais do que o necessário, se extenuando com mais facilidade, consumindo mais oxigênio e produzindo mais ácidos láticos, provocando mais cansaço e dores.

Desta forma, a massagem antes da atividade física é extremamente benéfica. Uma rápida sessão de massagem com técnicas de amassamento mais intensas nas grandes musculaturas será uma excelente forma de aumentar a circulação sanguínea, oxigenando e nutrindo as células, além de reduzir a rigidez.

Massagem após os exercícios físicos

massagem apos exercicios

Durante a prática de qualquer atividade física, ácidos láticos, ureia e outras substâncias ficam acumuladas na musculatura. Sendo o acúmulo destas impurezas o fator que ocasiona as dores e a rigidez.

O sistema linfático tem a responsabilidade de drenar estas substâncias para fora do corpo. Mas, naturalmente, sem qualquer intervenção, essa eliminação é muito lenta, podendo se estender por muitas horas ou dias.

Assim, a massagem exerce um papel muito importante, pois agiliza a remoção destas impurezas, eliminando com maior celeridade o ácido lático nos músculos, acelerando o processo de recuperação muscular.

Para realizar a massagem após a prática esportiva, mantenha o corpo sempre aquecido. Caso haja qualquer espécie de lesão, nunca massageie a região afetada. A massagem deve ser realizada suavemente em torno da região lesionada, nunca diretamente.

Para aqueles que possuem cãibras recorrentes, a massagem pode ajudar muito. As cãibras ocorrem quando a musculatura está extremamente contraída, com fornecimento de sangue reduzido.

Sendo assim, a massagem alonga a musculatura, reduzindo as tensões, aumentando a mobilidade, o que melhora a circulação sanguínea, oxigenando e nutrindo as células musculares, reduzindo gradualmente as dores e a rigidez.

Quem pratica exercícios físicos regularmente sabe que outros problemas como torções e contraturas também são muito comuns.

Tensões nada mais são do que alargamentos e extensões excessivos da musculatura envolvida. Nestes casos, não ocorre inchaços, apenas rigidez muscular.

Já nos casos de torções, geralmente associadas a danos nos ligamentos, tendões, músculos e nervos; há inchaços e fortes dores, impedindo a movimentação do membro local afetado.

Em ambos os casos, uma massagem suave e corretamente aplicada poderá acelerar o processo de cura e recuperação, diminuindo os inchaços e as dores.

Uma massagem bem executada na direção dos gânglios linfáticos irá estimular a drenagem e a eliminação das impurezas da área atingida, além de aumentar a oxigenação e nutrição local.

Adicionalmente à massagem, aplique também compressas frias na região lesionada, alternando a massagem com a aplicação de compressa.

Mas atenção, procure também sempre uma opinião médica. Dependendo do caso, após o diagnóstico conclusivo com imagens radiográficas, poderá ser necessária a imobilização do membro.

Uma investigação mais detalhada, por um médico especialista, deverá ser sempre realizada para que possa ser descartada a existência de fraturas ou problemas mais graves, permitindo que o tratamento seja complementado com massagens e terapias alternativas.

Gostou? Então Compartilhe!

Um comentário em “A Importância da Massagem para Atividades Físicas”

  • Para quem pratica musculação, a massagem também ajuda muito a suportar as dores decorrentes dos rompimentos das fibras musculares. A recuperação fica mais rápida e, assim conseguimos aumentar as cargas com mais rapidez e melhor progressão nos treinos. Não fico sem minha sessão de massagem semanal. Para quem treina pesado, ajuda muito mesmo!

  • Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *