Assim como, provavelmente, você – muitas outras pessoas também sofrem de horríveis dores ciáticas por um bom tempo.

Agora chegou a hora de melhorar esse sofrimento aprendendo como executar e qual massagem escolher, especificamente, para dores ciáticas.

Muitas pessoas sofrem desse mal, inclusive as mais jovens – e muitos têm procurado formas alternativas e naturais para reduzir os problemas e sintomas deste terrível incômodo gerado a tantos brasileiros.

Alguns pacientes apresentam até surto de dores e longos períodos com esses incômodos terríveis, impedindo o prosseguimento de uma vida normal, com o impedimento da execução de simples tarefas diárias.

Além disso, conforme descrição dos profissionais terapeutas e massagistas, é incrivelmente comum a descrição e relatos de casos de problemas ciáticos entre a população mais jovem.

A boa notícia é que durante milhares de anos, a massagem tem tido um papel extremamente importante no combate a problemas musculares e nos nervos com grande sucesso. Tornando-se uma excelente medida para aqueles que buscam um tratamento mais sustentável e menos invasivo, com altas chances na atenuação do quadro crônico de agonia.

As dores ciáticas deixam o paciente extremamente debilitado. Há relatos de casos em que o paciente não consegue se sentar, deitar ou andar. E uma pequena melhora já é um grande passo e alívio no caminho para uma vida mais saudável e leve.

massagem nervo ciático

Até pouco tempo, os analgésicos assumiam um papel solitário no combate aos problemas de nervo ciático. Mas aos poucos, essa realidade tem mudado, com a inserção de novos tratamentos, métodos, protocolos e técnicas para trazer mais conforto aos debilitados.

Hoje em dia, muitas novas abordagens são empregadas, inclusive com a ausência de medicamentos, tais como Yoga, Fisioterapia e Massagem terapêutica específica para dor ciática.

As dores ciáticas são caracterizadas pela radiação do incômodo iniciado na região lombar, prosseguindo pelas pernas em direção às panturrilhas. Pacientes com casos de obesidade, diabetes, fumantes e pessoas que passam muito tempo trabalhando sentadas são mais propensas a este tipo de problema.

Para tratar as dores ciáticas com a massagem, primeiramente, o interessado deverá procurar um profissional qualificado e credenciado para isso. Com preferência para os massagistas com ampla experiência e anos de vivência trabalhando em casos similares e especiais.

Recomendamos profissionais experientes, pois estes saberão exatamente que técnica empregar e quais os pontos de gatilhos que devem ser manipulados e acionados para promover o alívio das dores desejado.

Ao iniciar o tratamento com massagem, a primeira etapa consiste em relaxar os tecidos adjacentes e que envolvem o nervo ciático. Os movimentos e manobras podem ser mais firmes e consistentes, dependendo da tolerância do paciente à dor.

Geralmente a pressão aplicada é mediana, na maioria dos casos, e uma consistente melhora já é sentida na primeira aplicação, quando o profissional realmente é experiente e sabe o que está fazendo.

A maioria dos profissionais massagistas e terapeutas, aliada às sessões de massagens, também indicam uma terapia neuromuscular e massagem de tecidos profundos, que ajudarão a auxiliar as atenuações das dores ciáticas.

Essas medidas e terapias têm a função de suavizar a tensão dos músculos vizinhos que se aderem aos nervos, restaurando todo o sistema circulatório próximo, trazendo uma enorme alívio nas dores e regeneração das células afetadas.

Quais os tipos de massagens são os mais indicados e recomendados para dores ciáticas?

Durante muito tempo as massagens convencionais foram amplamente utilizadas com o intuito de diminuir as dores ciáticas, além de reduzir a quantidade de medicamentos e a dependência destes.

Mas, atualmente, a técnica mais aplicada é a massagem dos tecidos profundos. Esta modalidade de terapia tem se mostrado mais benéfica e eficaz na redução dos quadros crônicos e surtos de dores. Para aqueles que desejam mitigar a dependência de drogas e medicamentos para dor, esta massagem terapêutica é a mais indicada.

O tratamento basicamente consiste em massagear regiões específicas e estratégicas, onde as dores são mais intensas. Nos casos de espasmos musculares, uma massagem mais intensa e profunda irá ajudar esses músculos relaxarem.

Com o relaxamento de toda a musculatura desta região, a compressão exercida por estes tecidos será amenizada nos nervos atingidos, trazendo um grande alívio das dores proporcionadas pelo grave problema.

A massagem dos tecidos profundos envolve uma pressão bastante intensa, combinada com movimentos e manobras consistentes e vigorosos. Esta modalidade de massagem é indicada para a maioria das pessoas, e apesar de ser menos relaxante do que, por exemplo, a massagem sueca, é bem mais eficiente.

Após a realização da massagem, muitos sentirão aquela dor parecida com as dores pós treinos. Mas os benefícios posteriores são bem superiores.

Sendo assim, o recomendável é que alguns dias antes da terapia, o paciente não pratique nenhuma atividade física intensa, estando completamente recuperado para a massagem.

A medida que as horas vão avançando, após a massagem, o paciente começará a notar uma considerável diminuição das dores ciáticas e recuperação dos movimentos.

A massagem dos tecidos profundos, específica para dores ciáticas, é melhor administrada se for realizada com uma regularidade de, pelo menos, uma vez por semana.

Em apenas uma sessão, o massagista provavelmente não conseguirá atingir toda região afetada, em toda a profundidade desejada, principalmente por causa das fortes dores ainda existentes no início do tratamento.

Assim, ao longo do tratamento, as dores irão se amenizar e será possível que o profissional aplique mais força e realize manobras mais profundas e de maiores intensidades, que permitam a total recuperação e reabilitação do paciente.

A repetição das massagens permite que o terapeuta avance em camadas de tecidos cada vez mais profundas, abrandando todo o quadro debilitante do paciente, trazendo-o novamente à vida, estando este apto a realizar suas tarefas cotidianas.

Gostou? Então Compartilhe!

Um comentário em “Como Amenizar as Dores Ciáticas Somente com Massagem”

  • Como testemunha, de quem já sofreu por anos de dores ciáticas, posso garantir que um tratamento de longo prazo com massagens regulares e frequentes é eficaz, e realmente ameniza as dores e desconfortos gerados pelo pinçamento do nervo ciático.
    Há cinco anos tentei diversos tratamentos, medicamentos, exercícios direcionados, mas a massagem dos tecidos profundos foi a que melhor trouxe-me benefícios e resultados promissores que duraram por mais tempo.
    Com a massagem feita corretamente, o nervo ciático deixa de ficar frequentemente pressionado e assim, com o tempo, a dor é aliviada e amenizada.
    Outra característica da massagem é que alivia os sintomas da hérnia de disco, um dos principais causadores das dores ciáticas.
    Enfim, a massagem adequada feita por profissional qualificado certamente ajudará aqueles que sofrem das terríveis dores ciáticas, trazendo mais conforto e continuidade das rotinas diárias dos pacientes.

  • Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.